A Identidade Despedaçada


Você já pensou, o quanto que a falta de entendimento é um lugar doentio, em qualquer que seja o tipo de estrutura? Isso porque não se sabe ao certo do que se vive, para onde se vai, e também para o que foi criado e gerado pelo céu. Sim! Quando vivemos em um lugar místico, as coisas são como que irreais e não sobrenaturais, pois o céu, por mais que seja sobrenatural para nós, é real e vivo! Uau! 

O que entendemos nisso? A nossa identidade em Deus é de filhos, e Ele tem algo fantástico para cada um de nós, segundo a Sua vontade! A falta desse entendimento, nos faz viver como pessoas que não tem uma direção, uma marca, um destino, e isso é de fato latente nesses dias, em nada aparente, mas infelizmente ativo! 


Do que estamos falando? Que até Jesus foi visto em Sua identidade, e isso fez parte de toda a formação na vida de Pedro, o apóstolo que fez a primeira ministração da Palavra na Igreja em Jerusalém, explanando de forma clara quem era Jesus! Como Pedro entendeu quem era Jesus, e isso ser o ponto de partida para que ele também visse, que sobre a sua vida existia uma identidade exclusiva? 

A identidade despedaçada faz-nos viver um Cristo em um modelo místico, de uma energia positiva, de respostas á argumentos e da necessidade de ver algo mover-se em prol de resoluções, para as nossas debilidades e problemas! Dessa maneira, vivemos dando passos, querendo chegar em lugares, mas parecendo que sempre existe um vazio, ou algo faltando. Veja!

“ "E vocês? ", perguntou ele. "Quem vocês dizem que eu sou? " Simão Pedro respondeu: "Tu és o Cristo, o Filho do Deus vivo". Respondeu Jesus: "Feliz é você, Simão, filho de Jonas! Porque isto não lhe foi revelado por carne ou sangue, mas por meu Pai que está nos céus. E eu lhe digo que você é Pedro, e sobre esta pedra edificarei a minha igreja, e as portas do Hades não poderão vencê-la. Eu lhe darei as chaves do Reino dos céus; o que você ligar na terra terá sido ligado nos céus, e o que você desligar na terra terá sido desligado nos céus".” (Mateus 16:15-19)

Originalmente no hebraico, o nome Simão significa “ouvinte”, e por cultura, os nomes judaicos em sua maioria, são dados devido a personalidade, vida, ou contexto em que se vive. Nesse ponto, olhando então para Simão, vemos que Jesus olhou para ele, e iniciou a chamá-lo de Pedro, que significa a Rocha! Yeah! 

Até então, ele era somente o filho de Jonas, mas agora o nome dele definiu o lugar onde seria edificada a Igreja, e o inferno não tem poder sobre isso! E nós? E você? Entenda que Jesus já lhe deu uma identidade, e que você tem um novo nascimento Nele! Por isso, podemos dizer que Ele é um Pai maravilhoso, e preparou algo extraordinário para você, um destino para a sua vida!


Sim! É o tempo! Você é filho(a) amado(a)!

O tempo é de vivermos algo esplêndido! Resgate a tua identidade, primeiro olhando para Jesus! Saiba que Ele é o primogênito entre muito irmão, ou seja, Ele é o primeiro, o que te resgatou para você ser filho, e isso te possibilita viver em um lugar de liberdade, a fim de desfrutar toda a promessa!

“A ardente expectativa da criação aguarda a revelação dos filhos de Deus.” (Romanos 8:19)

Deus te abençoe!

49 visualizações
adora-ball-fireBWHITE.png

MENU

  • White Facebook Icon
  • White Twitter Icon
  • White Instagram Icon
  • White YouTube Icon
© 2020 ADORA